Santinho André

Padroeiro:

Da Rússia e Escócia.

História:

Santo André foi apóstolo de Jesus Cristo, nascido em Betsaida na Galileia. Pescador em Cafarnaum, foi o primeiro a receber de Cristo o título de Pescador de Homens e tornou-se o primeiro a recrutar novos discípulos para o Mestre. Filho de Jonas, tornou-se discípulo de João Batista, cujo testemunho o levou juntamente com João Evangelista seguir Jesus e convencer seu irmão mais velho, Simão Pedro a segui-los.

No começo da vida pública de Jesus, eles ocuparam a mesma casa em Cafarnaum. Segundo as Escrituras esteve sempre próximo a Cristo durante sua vida pública. Esteve presente na Última Ceia, viu o Senhor Ressuscitado, testemunhou a Ascensão, recebeu graças e dons no primeiro Pentecostes e ajudou, entre grandes ameaças e perseguições, a estabelecer a Fé na Palestina, e determinou a fundação da Igreja local e apontou São Eustáquio como primeiro bispo.

Segundo a tradição foi açoitado e depois suspenso numa cruz em forma de X, que ficou conhecida como a cruz de Santo André, na qual sobreviveu por três dias em Patros da Acaia, cidade na qual havia sido eleito bispo, por ordem do procônsul romano Egeias. Suas relíquias foram transferidas de Patros para Constantinopla e depositadas na igreja dos Apóstolos, tornando-se padroeiro desta cidade. Quando Constantinopla foi tomada pelos franceses no início do século treze, o Cardeal Pedro de Cápua trouxe as relíquias à Itália e as colocou na catedral de Amalfi, onde a maioria delas ainda permanece.

Oração:

Santo André, Apóstolo de Jesus Cristo,
que conheceste a exigência
e a alegria de seu primeiro apelo,
dá-nos a graça de responder-lhe
com a mesma fidelidade,
de O servir cada dia
no lugar que Ele para nós escolheu.

Tu que distribuíste à multidão faminta
o pão que o Senhor multiplicava em tuas mãos,
obtém para nossa pobreza o mesmo milagre.
Faze que esperemos o socorro de Deus
com a invencível esperança do amor,
preocupados unicamente
com o advento de seu Reino.

Testemunha da boa-nova
que tua voz levou até as extremidades da terra,
conserva nos apóstolos de nosso tempo
esta fé viva que transporta montanhas
e constrói o Reino.

Mártir de teu testemunho,
concede-nos a graça de união à Cruz de Jesus Cristo;
que ela seja a alegria de nossa vida
e o penhor de nossa ressurreição na claridade de Deus.

Amém.

Mensagem:

Share Button