Santinho André de Soveral

Padroeiro:

 

História:

Nascido em São Vicente, Estado de São Paulo, por volta de 1572, André de Soveral entrou na Companhia de Jesus no dia 6 de agosto de 1593, na Bahia. Estudou latim e Teologia Moral, e conhecendo muito bem a língua indígena, ocupou-se da conversão dos índios nos territórios dependentes do colégio de Pernambuco, na cidade de Olinda.

Em 1606 veio ao Rio Grande do Norte em missão, e passou para o clero diocesano provavelmente entre 1607 e 1610. Voltando já como sacerdote secular, recebeu dotes de sesmaria em Cunhaú em 1614, onde era pároco.

No ano de 1645, os holandeses que ocupavam o nordeste do Brasil, chegaram a Cunhaú, onde residiam vários colonos ao redor do Engenho, ocupados no plantio da cana-de-açúcar. Em um domingo, na hora da missa, 69 pessoas se reuniram na capela de Nossa Senhora das Candeias. A capela foi cercada e invadida por soldados e índios que trucidaram a todos que aí estavam, inclusive o Pároco Pe. André de Soveral que celebrava a missa. Não opuseram resistência aos agressores e entregaram piedosamente suas almas ao Criador.

Oração:

Ó Deus, ao comemorarmos todos os anos a paixão dos mártires André de Soveral e companheiros, dai-nos a alegria de ver atendidas nossas preces, para imitarmos sua firmeza na fé.

Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Amém

Mensagem:

Share Button