Santinha Bianca

Padroeiro:

 

História:

Bianca nasceu na cidade de Palência, na Espanha, no início do ano 1188. Filha do rei de Castela Alfonso IX e da rainha Eleanor da Inglaterra, recebeu sólida formação cristã por parte de seus pais. Tendo apenas 11 anos, ela já estava noiva do príncipe Louis, de Dauphin, França. Isso aconteceu porque seu tio John Lackland tinha o interesse na reconciliação com o rei Filipe Augusto, pai de Louis.

No dia 23 de maio de 1200 os dois jovens príncipes se casaram na Normandia, e mesmo com a pouca idade do casal, os dois formaram uma família cristã exemplar. Tiveram filhos e Bianca soube colocar no coração de cada um os valores cristãos e a fé inabalável. E isso aconteceu de tal forma que um de seus filhos, Luigi, que, mais tarde, assumiria o trono da França, viveu uma vida santa e foi canonizado.

Santa Bianca herdou de seus ancestrais maternos, a força, a perseverança e o tino nas decisões políticas. Tais dotes ficaram evidentes quando seu marido assumiu o trono. Ela colaborava nos negócios do marido com sua visão clara e lúcida.

Em 1223 Santa Bianca ficou viúva, e pelo fato de seu filho Louis IX, ser ainda menor, ela assumiu o governo da França até o filho completar a idade. Assim, ela reinou por vários anos com sabedoria e justiça, enfrentando perseguições e dificuldades no reino.

Santa Bianca tinha uma ajuda valiosa vinda do cardeal Romano Frangipane, representante do Papa na França. Em 1234 seu filho atingiu a maioridade e assumiu o trono como Louis IX. Santa Bianca, porém, permaneceu ao lado do filho por mais dez anos, ajudando a cuidar de todos os assuntos do Estado, ajudando-o a enfrentar novas revoltas e levantes, especialmente a revolta do Conde das Marcas.

Em 1243, o rei Louis IX partiu com um exército para uma cruzada. Santa Bianca assumiu a regência novamente. Cuidou da administração do reino, coisa que já tinha deixado de fazer há alguns anos. No tempo desta segunda regência, ela enfrentou tantos problemas quanto na primeira e superou a todos com sabedoria.

Nos últimos anos de sua vida, Santa Bianca fundou uma abadia cisterciense chamada Maubuisson. Ali, ela vestiu o hábito cisterciense e alternou sua vida religiosa à ajuda às necessidades do reino. Santa Bianca faleceu em Paris em 27 de Novembro 1252. Seu filho Louis IX ainda estava no Oriente e não pôde velá-la. Santa Bianca foi sepultada na abadia de Maubuisson. Seu coração ficou preservado, mas passou a ser conservado na Abadia de Lys, perto de Melun.

Oração:

Ó Deus, que destes a Santa Bianca a graça de governar primeiramente o seu lar, e depois, um país inteiro, dai também a nós a sabedoria necessária para governarmos nossa vida, nosso lar e tudo aquilo que for confiado a nós com sabedoria, humildade e amor. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso filho, na unidade do Espírito Santo.

Amém

Mensagem:

Share Button