Santinha Luzia

Padroeiro:

Dos oftamologistas e daqueles que têm problemas de visão.

História:

Santa Luzia nasceu por volta do ano 280 d.C. em Siracusa na Itália, sendo filha de pais nobres.

Perdeu o pai ainda bem pequena, foi criada pela mãe Eutichia e através desta conheceu o amor de Nosso Senhor Jesus Cristo e a verdade cristã, onde decidiu então pela consagração fez votos perpétuos de castidade.

Eutichia começou a sofrer de grave enfermidade hemorrágica e Luzia sugeriu à mãe que visitassem o túmulo de Santa Ágata, muito venerada na época, na cidade de Catânia, por acreditar que obteriam o milagre da cura. No local, Luzia pediu à mãe que suplicasse a intercessão da Santa junto a Jesus pelo milagre desejado.

Santa Luzia teve então uma visão de Santa Ágata dizendo-lhe que ela mesma já tinha conseguido, com sua fé, a cura de Eutichia. Imediatamente Luzia orou ao amor de Jesus e sua mãe estava livre da doença.

Voltando à sua cidade doaram todos os seus bens e riquezas aos pobres.

Um jovem, enamorado de Luzia e com raiva pelos votos de dedicação ao cristianismo e um suposto acordo familiar de casamento desfeito, denunciou a santa às autoridades locais, que a mando dos romanos perseguiam e prendiam os seguidores de Cristo. Luzia foi presa e em não abdicando de sua fé e de seu amor a Jesus, foi condenada a morte.

Conta a tradição que foi também dito que antes da morte a levassem a pior parte da cidade para que fosse prostituída, mas nem os soldados mais fortes conseguiram retirá-la do lugar, firme e imóvel como uma coluna, pois Deus não permitiria tal tortura e que quebrasse seus votos a Ele dedicados.

Teve também seus lindos olhos retirados como terrível castigo, mas qual não foi a surpresa que no dia seguinte Luzia tinha novamente seus olhos intactos restituídos pelo amor de Deus, como se nunca os tivessem tirado.

Oração:

Ó, Santa Luzia,
que preferistes deixar que os vossos olhos fossem
vazados e arrancados antes de negar a fé e conspurcar
vossa alma; e Deus, com um milagre extraordinário,
vos devolveu outros dois olhos sãos e perfeitos para
recompensar vossa virtude e vossa fé, e vos constituiu
protetora contra as doenças dos olhos, eu recorro a vós
para que protejais minhas vistas e cureis a doença dos
meus olhos.

Ó, Santa Luzia, conservai a luz dos meus olhos para que
eu possa ver as belezas da criação. Conservai também os
olhos de minha alma, a fé, pela qual posso conhecer o
meu Deus, compreender os seus ensinamentos, reconhecer
o seu amor para comigo e nunca errar o caminho que me
conduzirá onde vós, Santa Luzia, vos encontrais,
em companhia dos anjos e santuário.

Santa Luzia, protegei meus olhos e conservai minha fé.

Amém.

Mensagem:

Share Button